Páginas

terça-feira, 19 de junho de 2012

Sacola da Leitura

   O impulso de contar histórias deve ter nascido no  homem, no momento em que ele sentiu necessidade de comunicar aos outros alguma experiência sua, que poderia ter significação para todos. E como diz Fanny Abramovich" Ler histórias sempre, sempre...é poder sorrir, rir, gargalhar com as situações vividas pelas personagens, com a ideia do conto ou com o jeito de escrever de um autor e, então, poder ser um pouco cúmplice desse momento de humor, de brincadeira, de divertimento..."
   Por isso a turma 51 está desenvolvendo o Projeto    "Quem aprende a gostar de ler sabe escrever a própria história" porque é no encontro com a literatura que temos a oportunidade de ampliar, transformar, ou enriquecer a nossa experiência de vida.
    A turma possui uma sacola com livros diversos de leitura para toda família. A cada três dias um aluno leva para casa e aproveita para se divertir com as histórias.























         Depoimentos dos pais dos alunos:



Família da aluna Eduarda
    Pela primeira vez recebemos essa bela surpresa em casa. Algo tão simples, mais de um grande significado.
    Com a correria do dia a dia, grande parte das vezes não temos oportunidade de interagir entre família. A sacola da leitura nos dá oportunidade de nem que seja por alguns minutos poder esquecer tudo e nos dedicar a leitura com os filhos. Nos mostra a importância desse contato entre pais e filhos. Gostamos muito dessa experiência nova e agradecemos desde já essa oportunidade. Esperamos poder recebê-la novamente em nossa casa
Joice e Rafael

Família do aluno Gabriel
     Adoramos o livro Pais e Filhos. Já tinha ouvido falar sobre ele mais não tinha tido a oportunidade de ler. Eu e meu marido lemos da página 13 a 22 e nos deparamos com situações que realmente acontecem no dia a dia. O texto é de emocionar.
    Este projeto é projeto muito legal e em nossa opinião o livro deveria ser o de cabeceira de todos os pais. Obrigado pela oportunidade de começar este projeto.
Daiane

Família da aluna Laura
    Profª Letícia, a conclusão que tivemos é que nós pais temos que saber ser firmes quando necessário com nossos filhos, dizendo não e pondo limites para mais tarde não nos arrependermos.
      Quem ama também diz não.
Alexandro e Adriana

Família da aluna Sabrina
   Pedir desculpas, nunca deixe para amanhã o que se pode fazer hoje. Página 68. Foi a que eu mais me identifiquei.
Neudir Gomes

Família da aluna Carla
     Achei bem interessante o livro , tanto que levei para ler em meu serviço.

                                                                Marione Maria Oestrich

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário